Em uma semana, cerca de 6 mil pessoas emitem novo RG no Tocantins

A nova carteira de identidade está disponível no Tocantins desde o dia 12 de janeiro. De lá pra cá, cerca de 6 mil pessoas já solicitaram o documento. O objetivo é que a Carteira de Identidade Nacional (CIN) substitua o Registro Geral (RG). Os Institutos de Identificação estão atendendo cerca de 800 pessoas por dia. Em Palmas, Araguaína e Gurupi o atendimento é feito mediante agendamento. As vagas serão liberadas toda sexta-feira, a partir das 14h. A novidade é que documento traz o CPF como número exclusivo para identificar os cidadãos. A ideia é unificar nacionalmente o documento que antes era feito individualmente em cada um dos estados. Para ter acesso ao documento em Palmas é necessário fazer o agendamento através do site da SSP. Feito isso, basta ir a um dos Institutos de Identificação no estado levando a certidão de nascimento ou de casamento e o comprovante de inscrição do CPF. De acordo com a secretaria, toda sexta-feira, a partir das 14h, são liberadas novas vagas para atendimento em Palmas. Nas demais cidades do Estado, o interessado pode procurar os núcleos de identificação com a certidão de nascimento ou de casamento e o comprovante de inscrição do CPF (originais e cópias). O CIN tem um visual mais limpo e com menos informações. O documento terá: Foto; Nome; Data de nascimento; CPF; Nome dos pais; Local de nascimento; Sexo; Dados sobre a situação eleitoral. Também haverá um QR Code que dá acesso à versão digital do documento onde podem ser incluídos dados como Carteira Nacional de Habilitação, título de eleitor e carteira profissional por exemplo. Para que essas informações constem na CIN é preciso levar os documentos originais no momento de fazer o documento. A população não tem obrigação de trocar a carteira de identidade neste momento. O atual modelo do RG ainda vale até 28 de fevereiro de 2032. A primeira via do CIN é gratuita. Quem tem o RG atual também não vai pagar pela troca. O governo do Tocantins ainda não definiu quanto deve cobrar pela emissão da segunda via da nova carteira de identificação. O prazo para emissão do novo documento é de 10 dias na capital e 30 dias no interior do estado.

Em uma semana, cerca de 6 mil pessoas emitem novo RG no Tocantins

A nova carteira de identidade está disponível no Tocantins desde o dia 12 de janeiro. De lá pra cá, cerca de 6 mil pessoas já solicitaram o documento. O objetivo é que a Carteira de Identidade Nacional (CIN) substitua o Registro Geral (RG).

Os Institutos de Identificação estão atendendo cerca de 800 pessoas por dia. Em Palmas, Araguaína e Gurupi o atendimento é feito mediante agendamento. As vagas serão liberadas toda sexta-feira, a partir das 14h.

A novidade é que documento traz o CPF como número exclusivo para identificar os cidadãos. A ideia é unificar nacionalmente o documento que antes era feito individualmente em cada um dos estados.

Para ter acesso ao documento em Palmas é necessário fazer o agendamento através do site da SSP. Feito isso, basta ir a um dos Institutos de Identificação no estado levando a certidão de nascimento ou de casamento e o comprovante de inscrição do CPF.

De acordo com a secretaria, toda sexta-feira, a partir das 14h, são liberadas novas vagas para atendimento em Palmas.

Nas demais cidades do Estado, o interessado pode procurar os núcleos de identificação com a certidão de nascimento ou de casamento e o comprovante de inscrição do CPF (originais e cópias).

O CIN tem um visual mais limpo e com menos informações. O documento terá:

  • Foto;
  • Nome;
  • Data de nascimento;
  • CPF;
  • Nome dos pais;
  • Local de nascimento;
  • Sexo;
  • Dados sobre a situação eleitoral.

Também haverá um QR Code que dá acesso à versão digital do documento onde podem ser incluídos dados como Carteira Nacional de Habilitação, título de eleitor e carteira profissional por exemplo.

Para que essas informações constem na CIN é preciso levar os documentos originais no momento de fazer o documento.

A população não tem obrigação de trocar a carteira de identidade neste momento. O atual modelo do RG ainda vale até 28 de fevereiro de 2032.

A primeira via do CIN é gratuita. Quem tem o RG atual também não vai pagar pela troca.

O governo do Tocantins ainda não definiu quanto deve cobrar pela emissão da segunda via da nova carteira de identificação.

O prazo para emissão do novo documento é de 10 dias na capital e 30 dias no interior do estado.