Palmas está prestes a receber um novo marco na área da saúde com hospital municipal aprovado pela Justiça

O Governo do Tocantins realizará uma doação de um terreno de 24 mil m² para a construção de um hospital municipal em Palmas. A Justiça homologou um acordo entre o governo estadual e a Prefeitura de Palmas para a execução deste importante projeto, porém ainda não há um prazo definido para o início da obra.

Palmas está prestes a receber um novo marco na área da saúde com hospital municipal aprovado pela Justiça

As discussões em torno da construção do hospital foram retomadas em maio deste ano, após diversas mortes de pacientes que aguardavam transferência para o Hospital Geral de Palmas nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da capital. Levantamentos realizados pela TV Anhanguera e pelo G1 apontaram que pelo menos 42 pessoas morreram na fila de espera durante um ano.

Diante dessa crise na saúde, o Governador Wanderlei Barbosa, do partido Republicanos, e a Prefeita Cinthia Ribeiro, do PSDB, uniram esforços e firmaram uma parceria para encaminhar pacientes para um hospital particular. Além disso, foi definido que o Estado fará a doação de um terreno de 24 mil m² para a construção do hospital municipal de Palmas.

A situação da saúde pública da capital tornou-se objeto de uma ação civil coletiva movida pelo Ministério Público do Tocantins (MPTO), que busca a estruturação de medidas efetivas para a instalação dessa unidade hospitalar. Nesta segunda-feira (27), a sentença que homologa o acordo entre o governo estadual e o município foi publicada.

Segundo o acordo, o Estado deverá encaminhar o projeto de lei para a doação da área de 24.000 m² à Assembleia Legislativa até o dia 6 de dezembro. Após a formalização da doação, a Prefeitura deverá apresentar um projeto físico, orçamentário e financeiro detalhado, com cronograma para a construção e implementação dos serviços hospitalares.

Essa iniciativa do governo é de extrema importância para solucionar a grave situação que a saúde pública do Tocantins enfrenta, sobretudo em Palmas. A construção do hospital municipal trará benefícios diretos para a população, oferecendo atendimento de qualidade e reduzindo as filas de espera por tratamentos e cirurgias.

O terreno doado possui uma área significativa, o que permitirá que o hospital seja bem estruturado e atenda às demandas da população de forma adequada. Esperamos que o início das obras seja realizado o mais breve possível, com a máxima eficiência na utilização dos recursos públicos.

É fundamental que a sociedade acompanhe de perto o desenvolvimento desse projeto, cobrando transparência e fiscalizando a correta aplicação dos recursos públicos. A construção do hospital municipal é um passo importante, porém é necessário garantir que ele seja devidamente equipado, com profissionais capacitados e uma administração eficiente.