Em Belo Horizonte, Sargento da PM Alvejado com Dois Tiros na Cabeça por Meliante durante Perseguição, Estado de Saúde é Gravíssimo

Sargento da PM em Belo Horizonte é atacado durante perseguição a suspeito em saída temporária, sofrendo dois tiros na cabeça. Seu estado de saúde é grave.

O indivíduo, de 25 anos, suspeito de atirar na cabeça de um sargento da Polícia Militar (PMMG), de 29 anos, durante uma perseguição no bairro Novo Aarão Reis, região norte da capital, na noite de sexta-feira (6), estava em saída temporária de final de ano e deveria retornar ao sistema prisional até o dia 4 de janeiro. O policial está internado em estado gravíssimo no Hospital João XXIII.

De acordo com a corporação, os militares perseguiram um Uno roubado, e ao entrar no Novo Aarão Reis, o veículo colidiu, levando os criminosos a fugirem a pé. Na rua seguinte, o sargento iniciou a perseguição a um deles, e toda a ação foi registrada por câmeras de segurança.

Em determinado momento, conforme relato da PM, ele instruiu o criminoso a se deitar. Foi nesse momento que o suspeito se virou, retirou a arma da cintura e disparou contra a cabeça do policial, que caiu inconsciente.

Em resposta, outro militar efetuou disparos contra o agressor, atingindo-o na perna. O suspeito foi socorrido e está detido no hospital Risoleta Tolentino Neves.

O sargento foi encaminhado ao Hospital João XXIII, onde passou por cirurgia. Ele sofreu dois tiros na cabeça e um na perna, atingindo também a veia femoral. O revólver calibre 38 utilizado pelo agressor foi apreendido.